sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Significado das Cores - Rosa




 
Mais um artigo da série voltada para o significado das cores. Os textos são baseados em livre tradução dos artigos encontrados originalmente no site http://www.colormatters.com/ - Visite o site e descubra mais sobre as cores!


ROSA

Rosa é uma combinação da cor vermelha e branca, uma cor que pode ser descrita como uma tonalidade. Ela pode variar de "cereja" (tendo o azulcomo base) ao "salmão" (laranja de base). Seu simbolismo é complexo e sua popularidade está sujeita a muitas influências.

Podemos começar uma análise do cor de rosa, olhando para a fotes contemporâneas e naturais desta cor delicada. Em primeiro lugar, independentemente da sua cor de pele, alguma parte de seu corpo é cor de rosa. Assim é o pôr-do-sol, melancias e muitas das flores. Dependendo da sua idade e da sua cultura, você pode se lembrar de Cadillacs cor de rosa, flamingos cor de rosa (eles já foram sinônimo de mau gosto na cultura americana, mas agora são retrô-chique), Pink Floyd, a Pantera Cor de Rosa e até dos triângulos rosa do Terceiro Reich que foram utilizados para identificar os homossexuais masculinos durante o regime nazista na Alemanha.

Em quase todas as culturas, um estereótipo emerge: rosa está associado com meninas, azul com os meninos. Infelizmente, não há um consenso de opinião sobre a origem desta associação.

De acordo com Jean Heifetz, durante séculos todas as crianças europeias estavam vestidas de azul porque a cor foi associada com a Virgem Maria. O uso de rosa e azul surgiu na virada do século XX, a regra sendo rosa para os meninos e o azul para as meninas. A associação era de que o rosa era uma cor mais forte, sendo mais adequada para os meninos, já o azul era mais delicado e melhor para as meninas. E essa associação foi endossada em 1921 pelo Instituto Feminino de Ciência Doméstica (Women's Institute for Domestic Science) da Pensilvânia. (Do livro "When Blue Meant Yellow" pp. 20 -21)

Alguém poderia argumentar que o simbolismo contemporâneo dessa cor confirma estas associações. Azul é considerado uma cor calma, passiva, daí ligada ao feminino. Já o vermelho (lembre-se, o rosa é derivado do vermelho) é considerada uma cor ativa, portanto, masculina.

Por outro lado, a idéia de associar azul com bebês do sexo masculino pode ter origem em tempos antigos, quando ter um menino era sinal de boa sorte. Azul era a cor do céu onde os deuses viviam, guardava poderes capazes de afastar o mal; assim, os meninos eram vestidos de azul. Na Grécia, um olho azul ainda tem poderes para afastar o mal. A idéia de rosa para as meninas pode vir de uma lenda européia onde os bebês nascem dentro de delicadas rosas.

Outra teoria afirma que as origens sexuais podem ser encontradas na China antiga. Em certa época, alguns corantes eram raros, e o rosa era uma cor bastante disponível e, portanto, de baixo custo. Já os azuis eram raros e caros, portanto vestiam o filho homem em azul, afinal nesta cultura quando o homem se casa é a sua família que recebe o dote, não o contrário.

A origem do termo em Inglês "pink" é tão valiosa quanto qualquer discurso sobre o simbolismo desta cor. Aqui estão algumas análises interessantes:

Em Inglês, a palavra "rosa" pode ser derivado do holandês "pinken", que denomina uma flor e remonta a 1681. O nome da flor poderia ter sido originalmente "olho-de-rosa" ou "olho pequeno". Para o português é a mesma coisa, já que a cor vem do nome da flor que todos conhecemos como "Rosa", mesmo que ela se apresente em outras cores como vermelho, branco ou amarelo.



Significados Globais do Rosa

No antigo Egito, o flamingo foi o hieróglifo usado para representar a cor vermelha.

No Inglês coloquial, "ticlked pink"  descreve um estado de alegria; um "pink slip" é um aviso de que você foi demitido; "to be in the pink" sugere uma fase de boa sorte e saúde; e um "pinko "é uma pessoa que é extremamente liberal, um socialista ou um comunista.

Entre as pessoas Owambo da Namíbia, a riqueza de uma mulher ´emedida através de uma concha de caracol especial rosa, que é encontrada no extremo norte do país. Essas conchas de caracol são coletadas, cortadas em pedaços circulares, esfregadas até que estejam perfeitamente redondas e do mesmo tamanho e, em seguida, costuradas juntas, como contas de um colar. Quanto mais rica a mulher, mais voltas desses colares de conchas de caracol ela tem.

Nos periquitos, o nariz do macho é azul e o da fêmea é cor de rosa.

Na Bélgica se veste rosa para os meninos e azul para as meninas.


Resumindo, podemos pensar o seguinte: apesar de a pele clara quando queimada e as melancias serem associações naturais ao rosa, esta cor é carregada de significado histórico, instintivas reflexos e clichês. Em alguns casos, ela é bastante apropriada, em outros, talvez o único clichê que vale a pena usar é aquele que liga esta cor com o significado de transformação.

Nenhum comentário: