segunda-feira, 18 de março de 2013

Como lidar com críticas negativas - por Jane-Beata


 "Para escapar das críticas - não faça nada, não diga nada, não seja nada" - Elbert Hubbard (escritor e filósofo norte-americano)
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/8/82/Elbert_Hubbard_-_Project_Gutenberg_eText_12933.jpg/220px-Elbert_Hubbard_-_Project_Gutenberg_eText_12933.jpg


Todos querem ser elogiados pelo seu trabalho. É extremamente raro indivíduos que criam coisas e não se importam como suas criações serão recebidas. Lidar com as críticas pode ser doloroso, mas ao mesmo tempo de grande ajuda.

http://2.bp.blogspot.com/_Eiwce13X738/TLm8fL7ePeI/AAAAAAAAI6U/NNTEo0X238c/s1600/Gurney-Otis.JPG

Vamos iniciar entendendo a função e propósito das respostas positivas e negativas. Reações Positivas (que apontam coisas que você fez BEM) aumenta o comprometimento com seu trabalho, por melhorar sua experiência e confiança, enquanto Reações Negativas (que apontam coisas que você fez ERRADAS), por outro lado, são informativas - te dizem onde você precisa aplicar esforço, e oferecem uma luz em como você pode melhorar.

Dito isso, respostas positivas e negativas são afetiva e motivacionalmente diferentes, seu impacto varia de acordo com as pessoas e quando são ditas. Por exemplo, quando você não sabe realmente o que está fazendo, uma resposta positiva te ajuda a continuar otimista e sentir-se mais à vontade com os desafios que está enfrentando - algo que os novatos precisam. Mas quando você é um especialista, e já sabe mais ou menos o que está fazendo, é a reação negativa que pode ajudá-lo a fazer o que é preciso para chegar ao seu melhor.

http://www.sabinanore.com/wp-content/uploads/2011/09/art-critic.jpg
É claro, o 'feedback' negativo deve vir sempre acompanhado de um bom conselho e dado com tato. Artistas iniciantes podem até mesmo desistir de sua arte inteiramente baseados em críticas muito duras. Mas a crítica não foi feita para fazer alguém desistir de seu trabalho.

Na realidade, muitas pessoas não entendem a diferença entre a crítica de uma obra de arte e crítica de uma pessoa, e isso atinge as pessoas de ambos os lados da questão, artistas se ofendendo com a crítica legítima de algo que eles criaram, críticos que abusam e passam a criticar o artista e não a arte.

Como absorver as reações, então?


OUÇA
Esteja atento e ouça atentamente, isto mostra que você valoriza a reação e garante que você compreende o feedback fornecido.

RECEBA
É uma reação natural rejeitar o feedback negativo e começar a preparar uma desculpa. Não faça iso. Se está planejando uma excusa, você não está realmente atento e ouvindo cuidadosamente.

EXPRESSE GRATIDÃO
Fornecer uma resposta leva esforços e carrega um nível de risco. Agradeça a todos que tomaram tempo para lhe fornecer feedback.

AJA
Ignorando o feedback você perde tempo - o seu tempo e daqueles que reagiram ao seu trabalho. Tome medidas apropriadas de acordo com as respostas, o mais rápido possível.



"Eu li um artigo sobre mim uma vez que descreveu meu método mecânico de copiar e pitar usando 'silk-screen':"Que solução ousada e audaciosa, quais profundezas do homem são reveladas nesta solução!" O que significa isso?" - Andy Warhol (empresário, pintor e cineasta norte-americano)

 http://nadabucolico.files.wordpress.com/2011/09/blog118.jpg


Postagem Original: http://jane-beata.deviantart.com/journal/PE-Negative-Feedback-Deal-with-it-359775547  Jane-beata é uma artista profissional Eslovena. Tradução por Emerson Penerari. Imagens retiradas na internet mediante pesquisa no Google sobre o tema 'Criticizing Art'.

Nenhum comentário: